Sumário

Entre em contato com um especialista

    Telefone advogado inss

    telefone advogado inss

    Qual o 0800 do INSS para advogado?

    A pedido do Conselho Federal da OAB, por meio da Comissão Especial de Direito Previdenciário, as ligações por celular para o número 08001350135, destinado a atender a advocacia, agora podem ser feitas gratuitamente. O 0800 da advocacia existe desde 1° de março de 2021.

    Da mesma forma, as ligações por celular para o canal de atendimento do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) eSocial (08007300888) também não são mais cobradas. Apesar de serem 0800, eles eram tarifados.

    A mudança também ocorre para a Central de Atendimento 135 do INSS, para o 158 (Alô Trabalho) e o 1358 (Regime Próprio de Previdência da União).

    Em maio de 2022 a Comissão Especial de Direito Previdenciário conseguiu garantir a ampliação de serviços disponíveis no 0800. Mas o pedido da Comissão para gratuidade para celular estava pendente de atendimento e agora terá sua implementação iniciada.

    “A implantação, em 2021, do 0800 da advocacia já foi um grande avanço. Agora, com o fim da tarifação para as chamadas, damos um passo adiante para facilitar o acesso da advocacia a esse canal de atendimento exclusivo perante o INSS”, pontuou o presidente da Comissão, Bruno Baptista.

    “Lembro ainda que não há limite de requerimentos por ligação (mesmo que de CPFs de clientes diferentes), mas o tempo de atendimento de cada chamada obedecerá aos roteiros disponibilizados no Portal 135 e, por uma limitação do sistema, não pode exceder 30 minutos”, explicou Gisele Kravchychyn, vice-presidente da Comissão.

    Por enquanto, somente os clientes com DDD 61 foram contemplados, mas em pouco tempo a gratuidade será estendida para outras regiões. Além disso, apenas a operadora de telefonia Claro vai oferecer o serviço. As demais companhias terão 30 dias para dar a gratuidade aos clientes.

    Atualmente, a Central 135 tem três polos de atendimento e conta com 6 mil funcionários. São eles: Salvador (BA), Caruaru (PE) e Recife (PE). Somente em 2022, últimos dados disponíveis, foram atendidas 40.452.123.

    A Central de Atendimento 135 foi criada com o propósito de ampliar o acesso da população aos serviços do INSS por meio de um canal de atendimento por telefone. Ele funciona de segunda a sábado, das 7h às 22h, no horário de Brasília.

    Como falar com o jurídico do INSS?

    Publicado em
    12/07/2023 15h06

    Atualizado em
    07/11/2023 17h24

    O INSS possui uma rede de atendimento composta por diversos canais disponibilizados à população, como o site ou aplicativo Meu INSS e a central de atendimento pelo telefone 135. Para segurança dos cidadãos, o INSS nunca solicita dados por e-mail, nem faz atendimento pelos e-mails institucionais (@inss.gov.br), que são específicos para assuntos internos da instituição. O INSS somente entra em contato com os segurados nos casos de: remarcação de atendimento, concessão/negativa de benefício, comparecimento à Agência da Previdência Social (APS) e para cumprimento de exigência. Mesmo assim, o servidor informa os dados, não pede ao segurado.

    Informações sobre serviços e benefícios do INSS podem ser obtidas pelos canais de atendimento oficiais do INSS. Confira:

    • Meu INSS

    Por meio da Central de Serviços, disponível por aplicativo de celular e também pelo site meu.inss.gov.br, o cidadão acessa quase 100 serviços digitais do INSS. No aplicativo é possível também fazer consultas, emitir extratos, realizar agendamentos e solicitar serviços. Quem não tem tanta intimidade com tecnologia ainda pode contar com a ajuda da Helô (assistente virtual), que, ali dentro, explica o passo a passo para todos os serviços.

    • Site

    O portal do INSS, disponível na internet por meio do endereço www.inss.gov.br, disponibiliza ao cidadão diversos serviços online que dispensam o atendimento presencial, além de informações sobre benefícios e serviços. Através do portal, é possível requerer benefícios como pensão por morte, emitir o extrato de pagamento e realizar diversas outras consultas. Além disso, no espaço, são disponibilizadas informações, notícias, explicação dos serviços e comunicados importantes de interesse da população.

    • Telefone 135

    A Central de Atendimento 135 foi criada com o propósito de ampliar o acesso da população aos serviços do INSS através de um canal de atendimento por telefone e funciona de segunda à sábado, das 7 às 22 horas – horário de Brasília.

    Ouvidoria

    O cidadão que queira fazer elogios, sugestões, solicitações diversas, denúncias e/ou reclamações pode ligar para o telefone 135 ou acessar o Fala.BR (https://falabr.cgu.gov.br/).

    Confira nossas redes sociais:

    Como entrar com advogado no INSS?

    Acessar a plataforma do INSS Digital pelos sites http://requerimento.inss.gov.br ou https://novorequerimento.inss.gov.br e informar dados para acesso. Selecionar AGENDAMENTO GUICHÊ VIRTUAL OAB (ATENDIMENTO PRESENCIAL – AGENDAMENTO), que é a primeira opção.

    Qual é o advogado que mexe com INSS?

    Advogado especialista em INSS: Você já ouviu falar nesse profissional? Saiba que eles são advogados que possuem amplo conhecimento sobre os direitos previdenciários e podem te auxiliar em todas as etapas, desde o processo com o INSS até representá-lo na justiça, se for preciso. Esses especialistas são fundamentais para lidar com aposentadorias, auxílio-doença, benefícios assistenciais e outros benefícios previdenciários. Quer saber mais sobre como eles podem ajudar e quando é hora de procurá-los? Continue lendo! Vamos explicar tudo de forma simples e fácil de entender.

    Um advogado especialista em INSS desempenha um papel importante na garantia de que os trabalhadores recebam os benefícios previdenciários aos quais têm direito. Sua atuação se divide em dois principais ambientes: administrativo, dentro do próprio INSS, e judicial, perante o Poder Judiciário. No ambiente administrativo (no INSS), o advogado auxilia os clientes em processos como requerimentos de aposentadoria, auxílios, pensões, benefícios de prestação continuada ao idoso ou deficiente e etc. Por exemplo, pode ajudar um trabalhador que busca sua aposentadoria e não se sente confortável para lidar com o processo sozinho.

    Já no ambiente judicial, quando é necessário entrar com uma ação judicial para garantir o recebimento do benefício. Isso pode ocorrer por vários motivos. Exemplo: quando o INSS demora para analisar o pedido, negar indevidamente um benefício ou concede um valor inferior. Por isso, esses profissionais são essenciais para garantir que os direitos previdenciários dos trabalhadores sejam defendidos em todas as etapas do processo, tanto administrativas quanto judiciais.

    Na escolha entre um advogado generalista e um especialista em INSS, é mais vantajoso optar pelo especialista. Assim como na medicina, no direito não pode ser diferente. Quando você está com problemas cardíacos procura um cardiologista, quando está com problemas ortopédicos, busca ajuda de um ortopedista. Portanto, quando você precisa resolver problemas no INSS, você busca ajuda de um advogado Previdenciarista. Isso porque um advogado especializado na área previdenciária possui conhecimento específico sobre os direitos e processos do INSS. Eles entendem as complexidades das leis previdenciárias e têm experiência em lidar com casos semelhantes ao seu. Por ser o direito previdenciário muito dinâmico, o especialista está atento nas mudanças que ocorrem diariamente na legislação previdenciária. Por outro lado, um advogado generalista pode não ter o mesmo conhecimento detalhado sobre questões previdenciárias e pode não oferecer a mesma eficácia na defesa dos seus direitos junto ao INSS.

    Então, se você precisa lidar com o INSS, é uma boa ideia buscar um advogado que conheça bem essas questões. Eles podem te ajudar de uma forma que um advogado que não é especializado talvez não consiga. O pagamento de um advogado especializado em direito previdenciário geralmente é feito através de honorários acordados entre o cliente.

    Como falar com advogado do INSS?

    O INSS terá mais um canal de atendimento exclusivo para a advocacia. A partir do dia 1º de março, o serviço oferecido por meio do 0800-135-0135 estará ativo de 7h às 22h, de segunda a sábado. O anúncio foi feito durante uma reunião realizada na sede do instituto, nesta terça-feira (23), com a participação do presidente do INSS, Leonardo Rolim; do diretor tesoureiro da OAB, José Augusto Araújo de Noronha; e do presidente da Comissão Especial de Direito Previdenciário do Conselho Federal, Chico Couto.

    Será permitido requerer todos os serviços disponibilizados aos usuários do 135, independente de procuração cadastrada nos sistemas do INSS. Inicialmente, as exceções serão aposentadoria por tempo de contribuição, aposentadoria por idade urbana, Benefício Assistencial ao Idoso e salário maternidade urbano, que poderão ser requeridos pelo Meu INSS ou INSS Digital.

    Para utilizar o serviço o advogado tem que estar regularmente inscrito na OAB. O INSS utilizará o número de inscrição no Cadastro Nacional de Advogados (CNA), que deverá estar em situação regular, além de CPF e mais dois outros dados pessoais para iniciar o atendimento. Nos casos em que houver divergência o atendimento será encerrado.

    O repasse de informações será permitido apenas quando houver procuração cadastrada no sistema do INSS ou caso as informações sejam acessíveis à terceiros. Não haverá limite de requerimentos (mesmo que de CPFs diferentes), mas o tempo de atendimento de cada chamada obedecerá aos roteiros disponibilizados no Portal 135 e, por uma limitação do sistema, não poderá exceder 30 minutos. As ligações deverão ser feitas de telefone fixo e não haverá custo. Chamadas de telefone celular não serão aceitas.

    Chico Couto ressaltou a importância da criação desse canal de atendimento para a advocacia. “Fazendo parte dos projetos de plataformas de atendimentos exclusivos, OAB e INSS criam o número de atendimento da advocacia, além de garantir todos os atendimentos dispensados aos segurados pelo 135, possibilitará o pleno exercício da profissão onde não se tem internet de qualidade”, disse.

    Fonte: OAB Nacional

    Como ligar no INSS pelo 0800?

    A central telefônica do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) contempla não só os aposentados e pensionistas, mas todos os cidadãos em geral. Por isso, o Telefone do INSS tem sido um dos canais mais utilizados durante a pandemia. Saiba como usar a central e fique sabendo todas as informações, horário de atendimento e serviços oferecidos no telefone 135 do INSS.

    O que você vai ler neste artigo:

    • O atendimento da central funciona através do telefone 135, e atende das 07h às 22h, de segunda-feira a sábado, conforme horário de Brasília.
    • Esse é o único canal oficial de telefone do INSS, o número anterior: 0800 728 0191 está desativado.
    • O contato com a central é bem simples! Para usuários de telefone fixo ou público (orelhão), a ligação para o número 135 é gratuita. Para telefones celulares, é cobrado o valor para ligações locais.

    Veja também: Beneficiários terão até 15 linhas para fazer consignado

    Para usar a central telefônica do INSS, basta discar, aguardar a triagem eletrônica e você será encaminhado para atendentes humanos. Fora do horário de funcionamento, somente o atendimento eletrônico fica disponível. Caso a ligação for interrompida, a recomendação do INSS é para que o cidadão insista novamente.

    Qualquer beneficiário do INSS pode ser atendido através da ligação para o número 135. Por esse canal, é possível ter acesso a qualquer serviço que seja referente ao titular do CPF ligado à Previdência Social.

    Descubra: Como cadastrar no Auxílio Brasil

    Em caso de dúvidas de como esse atendimento pode ser utilizado, temos um exemplo da utilização desse serviço:

    Joana é pensionista do INSS e precisa verificar com urgência se o seu benefício está liberado para empréstimos, porém Joana não possui internet em casa e só consegue se comunicar por ligação. Nesse caso, Joana poderá ligar para o 135, para se informar sobre a situação do seu benefício. Após passar seus dados para o atendente, Joana terá as informações necessárias em mãos, após alguns minutos de atendimento, tudo no conforto de sua casa.

    Assim como na maioria dos atendimentos telefônicos, é importante ter fácil acesso a alguns documentos para identificação na central, como por exemplo:

    • RG;
    • CPF;
    • Comprovante de residência.

    É muito importante lembrar: o INSS não solicita senhas ou dados financeiros confidenciais. No telefone, é possível ter acesso a diversos serviços, tanto no autoatendimento quanto com o atendente humano. Todos os serviços disponíveis no Portal Meu INSS também são disponibilizados por meio da ligação.

    No menu do telefone do INSS, ficam disponíveis três opções onde você pode escolher entre:

    1. Digitando 1: Você pode falar diretamente com um atendente para obter informações, agendar uma perícia, solicitar um benefício, realizar seu cadastro na Previdência Social, alterar seus dados cadastrais ou emitir certidões.
    2. Digitando 2: É possível consultar data e horário de uma perícia agendada, obter resultado de pedido de revisão do benefício ou pedido de CTC, ou saber a situação do benefício.

    Saiba também: Como recuperar senha do Meu INSS

    Como falar com o jurídico do INSS?

    Publicado em
    12/07/2023 15h06

    Atualizado em
    07/11/2023 17h24

    O INSS possui uma rede de atendimento composta por diversos canais disponibilizados à população, como o site ou aplicativo Meu INSS e a central de atendimento pelo telefone 135. Para segurança dos cidadãos, o INSS nunca solicita dados por e-mail, nem faz atendimento pelos e-mails institucionais (@inss.gov.br), que são específicos para assuntos internos da instituição. O INSS somente entra em contato com os segurados nos casos de: remarcação de atendimento, concessão/negativa de benefício, comparecimento à Agência da Previdência Social (APS) e para cumprimento de exigência. Mesmo assim, o servidor informa os dados, não pede ao segurado.

    Informações sobre serviços e benefícios do INSS podem ser obtidas pelos canais de atendimento oficiais do INSS. Confira:

    • Meu INSS
    • Por meio da Central de Serviços, disponível por aplicativo de celular e também pelo site meu.inss.gov.br, o cidadão acessa quase 100 serviços digitais do INSS. No aplicativo é possível também fazer consultas, emitir extratos, realizar agendamentos e solicitar serviços.

      Quem não tem tanta intimidade com tecnologia ainda pode contar com a ajuda da Helô (assistente virtual), que, ali dentro, explica o passo a passo para todos os serviços.

    • Site
    • O portal do INSS, disponível na internet por meio do endereço www.inss.gov.br, disponibiliza ao cidadão diversos serviços online que dispensam o atendimento presencial, além de informações sobre benefícios e serviços. Através do portal, é possível requerer benefícios como pensão por morte, emitir o extrato de pagamento e realizar diversas outras consultas.

    • Telefone 135
    • A Central de Atendimento 135 foi criada com o propósito de ampliar o acesso da população aos serviços do INSS através de um canal de atendimento por telefone e funciona de segunda à sábado, das 7 às 22 horas – horário de Brasília.

    • Ouvidoria
    • O cidadão que queira fazer elogios, sugestões, solicitações diversas, denúncias e/ou reclamações pode ligar para o telefone 135 ou acessar o Fala.BR (https://falabr.cgu.gov.br/).

    Confira nossas redes sociais:

    Como funciona o guichê virtual do INSS para advogados?

    O atendimento será realizado por servidor efetivo do INSS treinado para tanto. O servidor irá se identificar no início do atendimento, informando seu nome e seu registro. Será iniciada a reunião virtual com a identificação do advogado.

    Veja mais
    Abrir conversa
    Fale com um especialista!
    Olá 👋, precisa de ajuda com Telefone advogado inss? Fale agora com um especialista pelo WhatsApp! Estamos prontos para ajudar.