Sumário

Entre em contato com um especialista

    Como processar um diretor de escola?

    Como processar um diretor de escola?

    Como abrir um processo contra a escola?

    Seu filho ou filha sofreu maus tratos por parte de cuidadores ou profissionais na escola? Ou relata ter sofrido assédio de funcionários? Saiba o passo a passo para denunciar casos de agressão e violência em escolas:

    É importante que pais, mães ou responsáveis relatem o caso, de preferência por escrito, à direção da escola. No caso de instituições públicas, é aconselhável notificar a Secretaria de Educação Municipal/Estadual responsável ou o conselho de educação competente. Vale destacar: é preciso contar todos os fatos e pedir a adoção de providências.

    Se a violência for física ou tiver provas contundentes da violência psicológica (gravações, testemunhas, filmagens), os responsáveis pelos alunos devem ir à delegacia registrar boletim de ocorrência para iniciar as investigações. Se o inquérito policial não for arquivado, ele se transformará em processo penal. Outra opção é ir diretamente ao Ministério Público para fazer uma denúncia formal.

    Pais, mães ou responsáveis de criança ou adolescente que tenha sofrido violência devem procurar um advogado ou a Defensoria Pública do estado, caso queiram requerer na Justiça os prejuízos causados pelo episódio.

    O advogado ou defensor público deverá analisar o caso com critério, mas, em geral, é possível entrar com ação de indenização por:

    • danos morais;
    • danos materiais (caso a violência gere a necessidade de uso de medicamentos, consultas com psicólogos ou psiquiatras e cirurgias, por exemplo).

    Nos casos em que a violência deixe sequelas (cicatrizes ou redução da mobilidade, por exemplo), é possível entrar ainda com uma ação por danos estéticos.

    Em todos os casos, é importante guardar notas e recibos de todas as consultas e/ou procedimentos.

    Se o episódio tiver ocorrido em uma escola pública, os processos cíveis serão abertos contra o estado, município ou União – a depender de quem responda pela escola.

    No caso de escolas particulares, os processos são abertos contra o mantenedor e também contra o autor da agressão.

    No caso de vagas em escola particular contratadas pela administração pública, é possível requerer tanto contra a escola como contra a administração pública.

    Para que o autor da agressão também seja responsabilizado de forma administrativa (afastamento ou demissão, por exemplo), é preciso que pais, mães ou responsáveis levem o caso à corregedoria ou controladoria do estado ou município – caso a escola seja pública – para abertura de Processo Administrativo Disciplinar ou sindicância.

    Se a escola for particular, deve-se denunciar o fato ao Conselho de Educação e à Secretaria de Educação do município – que são as entidades responsáveis pela fiscalização do funcionamento das escolas.

    Fonte: Andrea Alves Loli, advogada (consultoria)

    O que é abuso de poder na escola?

    Assim, o assédio moral representa uma violência perversa no cotidiano escolar, onde o diretor abusa de seu poder diretivo para agredir a personalidade e dignidade de seu subordinado, mediante atitudes autoritárias, desumanas e vexatórias.

    Como fazer uma reclamação na diretoria de ensino?

    Central de Atendimento regulamentada pelo Artigo 56 do Decreto 65.187, de 17 de abril de 2019. Recebe ligações por meio do Canal de Atendimento 0800 77 000 12 e faz atendimento via web oriundos do Portal (https://atendimento.educacao.sp.gov.br/) e do e-mail da SEDUC.

    Como fazer uma denúncia de uma escola?

    As denúncias podem ser registradas na central de atendimento do MEC pelo número 0800 61 61 61, de segunda à sexta-feira das 8h às 20h.

    Qual a postura de um diretor escolar?

    O diretor de escola tem papel fundamental no funcionamento de uma instituição de ensino. Responsável por inúmeros processos que atendem a toda comunidade escolar, esse profissional precisa desenvolver habilidades importantes.

    Além da formação curricular, o desenvolvimento de competências e habilidades socioemocionais é importante para o sucesso da gestão escolar. Neste post, reunimos algumas dicas para desenvolver o diretor de escola que deseja ser inovador.

    A educação é uma área que envolve diversos agentes, do diretor da escola até o núcleo familiar do aluno. Assim, adotar uma gestão participativa é importante para que a instituição de ensino seja democrática e autônoma. Além disso, visa incluir a todos nos processos que envolvem a escola.

    Na gestão participativa, é necessário incluir todos que fazem parte do ambiente escolar. Isso significa considerar opiniões diferentes e ouvir, principalmente, os alunos. Afinal, são eles que sabem qual o melhor caminho para a melhoria do ensino-aprendizagem.

    Outra ação importante é convidar a família para participar das decisões da escola, atuando em conjunto, especialmente quando algo não vai bem com o estudante. Além disso, o núcleo familiar precisa participar ativamente do processo educacional como, por exemplo, ajudando e incentivando o filho nas atividades escolares e apoio emocional.

    A educação evolui constantemente, sobretudo nas tecnologias digitais educacionais. Nesse sentido, é essencial que o diretor da escola promova treinamentos constantes com a equipe pedagógica e administrativa, visando acompanhar as principais tendências na área.

    O próprio gestor precisa se manter atualizado, afinal, ele necessita apresentar as novidades para a equipe.

    Contudo, além das tendências em tecnologia e metodologias pedagógicas, é importante que o diretor da escola esteja por dentro do cotidiano dos alunos ou temas atuais que possam ser levados para a sala de aula. Essa é uma maneira de oferecer um ensino-aprendizagem atual, lúdico e motivador para os estudantes.

    Ser um diretor de escola inovador vai além de utilizar recursos digitais. Afinal, inovação significa criar algo novo, uma espécie de sinônimo de mudança. Ou seja, é possível aplicar esse conceito em todas as áreas que envolvem a gestão escolar, desde o processo de matrícula até as abordagens pedagógicas utilizadas na sala de aula.

    Nesse sentido, o diretor de escola inovador precisa levar para a instituição de ensino soluções para aprimorar processos de diversas áreas. Para isso, é essencial estar aberto ao novo e se atualizar nas tendências educacionais do século XXI.

    A capacidade de observação, criatividade e a reinvenção são habilidades importantes, por isso busque aprimorá-las e colocá-las em prática. Para isso, é possível, por exemplo, entender como funciona a cultura maker, uma das abordagens utilizadas atualmente na sala de aula.

    A sociedade está em constante transformação, sobretudo devido à tecnologia. Nesse sentido, o perfil dos alunos do século X.

    O que diz a LDB sobre o diretor de escola?

    Tempo de leitura: 6 minutos

    O diretor escolar e o coordenador escolar são responsáveis pela gestão de professores, alunos e funcionários, além de garantir que a instituição está cumprindo suas obrigações educacionais. Eles também precisam garantir que a escola esteja funcionando de maneira eficiente e que os alunos estejam recebendo uma educação de qualidade.

    Se você trabalha em uma escola particular, sabe que contar com diretores e coordenadores competentes é fundamental. Mas, além da habilidade desses profissionais, é preciso dispor de ferramentas que tornem a gestão mais eficiente e precisa.

    Neste artigo, vamos explicar as diferenças entre diretor e coordenador escolar, além de explorar a importância de um sistema de gestão educacional para ajudá-los a cumprir suas funções de maneira mais eficiente e eficaz.

    Diretor escolar: gestão administrativa e pedagógica

    O diretor escolar é o responsável por toda a gestão da instituição de ensino, tanto em aspectos administrativos quanto pedagógicos.

    No Brasil, as funções do diretor escolar são regulamentadas por leis e normas, e sua principal responsabilidade é administrar a escola, garantindo o cumprimento da sua missão educacional. De acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) nº 9.394/96, o diretor escolar é responsável pela gestão da escola, e suas ações devem ser guiadas por critérios de qualidade, eficiência e eficácia.

    Entre as funções do diretor escolar/acadêmico, estão:

    • Gerenciar a administração da escola;
    • Coordenar as atividades pedagógicas;
    • Planejar e executar projetos educacionais;
    • Gerir recursos humanos e financeiros;
    • Assegurar o cumprimento das leis e normas educacionais.

    Coordenador escolar: apoio aos professores e aos alunos

    O coordenador escolar é responsável por garantir que o processo de ensino-aprendizagem seja eficiente e eficaz. Ele é responsável por gerenciar e coordenar o processo educacional de um determinado curso. Isso se dá através de uma série de atividades, como:

    • Planejar o currículo escolar;
    • Acompanhar o desempenho dos alunos;
    • Oferecer suporte aos professores;
    • Organizar eventos e atividades educacionais;
    • Gerenciar o ambiente escolar.

    Quais as funções de um diretor de escola?

    Se você é um diretor de escola, valorize seu trabalho — a tarefa não é nada fácil, mas pode ser muito gratificante! As responsabilidades desse profissional dentro de uma instituição de ensino não são poucas: é dele a função de manter o bom funcionamento da escola em suas esferas física, material, política, financeira, pedagógica e emocional. Também faz parte do papel do diretor escolar — como um líder — incentivar, motivar e inspirar, diariamente, tanto a sua equipe quanto os seus alunos. Além disso, o profissional ainda precisa promover a integração entre a escola e os pais, responsáveis e demais familiares dos alunos. Nada disso parece simples, certo? Então, de novo: se você é um diretor de escola, valorize seu trabalho!

    Nesse artigo, destacaremos alguns pontos principais no que se refere ao papel do diretor escolar. Acompanhe!

    Dentre as principais obrigações do diretor de uma escola está controlar, com eficiência, a rotina dos setores administrativo e pedagógico. Veremos mais detalhadamente cada um deles a seguir:

    Pedagogicamente falando, está entre as responsabilidades do diretor escolar aprimorar, constantemente, a qualidade de ensino da instituição que dirige. Isso pode ser realizado por meio de algumas práticas, tais como:

    • Elaborar projetos pedagógicos inovadores;
    • Capacitar e motivar os professores;
    • Acompanhar o desenvolvimento dos alunos;
    • Implementar metodologias de ensino eficazes.

    Já dentre as funções do diretor no setor administrativo, pode-se destacar alguns aspectos. Aqui, o profissional precisa:

    • Gerir o orçamento da escola;
    • Garantir a infraestrutura adequada;
    • Administrar os recursos humanos;
    • Manter a comunicação eficiente com a comunidade escolar.

    Vale salientar que, para que o papel do diretor escolar — tanto no setor pedagógico quanto administrativo — seja cumprido com excelência, é de grande ajuda pesquisar sobre boas referências, e inspirar-se em trabalhos já consolidados e que obtiveram resultados positivos. É crucial, também, que um diretor escolar mantenha-se atento a todas as esferas de uma instituição educacional. Contudo, vale salientar que também é importante saber delegar funções, bem como contar com o apoio de parcerias de trabalho. Dentro da própria equipe escolar, essas parcerias podem ser o vice-diretor, o coordenador pedagógico e demais coordenadores. Fora dela, por sua vez, pode-se contar com a contribuição de ferramentas voltadas a promover a praticidade nos processos escolares — é o caso, por exemplo, de adotar tecnologias eficientes para a área de gestão escolar. Nossa sugestão, nesse sentido, é o SophiA Gestão Escolar!

    O SophiA Gestão Escolar auxilia os diretores em suas mais variadas funções. Trata-se de um software de gestão capaz de tornar mais simples e práticas todas as tarefas administrativas e pedagógicas da escola — tanto na educação infantil quanto no ensino fundamental, médio e técnico, se for o caso. Acesse a página da ferramenta e saiba mais! Você também pode entrar em contato com nossos especialistas e entender melhor como o SophiA pode ajudar a sua escola a cumprir com eficiência todas as atividades da área de educação. Post Views: 11.519

    O que compete ao diretor escolar?

    Promover estratégias de acompanhamento e avaliação do ensino- aprendizagem prevendo sempre a colaboração dos docentes e a transparência dos processos também para estudantes e seus pais.

    Veja mais
    Abrir conversa
    Fale com um especialista!
    Olá 👋, precisa de ajuda com Como processar um diretor de escola?? Fale agora com um especialista pelo WhatsApp! Estamos prontos para ajudar.