Sumário

Entre em contato com um especialista

    Advogado especialista em petropolis rj

    advogado especialista em petropolis rj

    Quanto advogado cobra para fazer uma consulta?

    A OAB/SP estabelece o valor de R$ 245,85 para uma consulta em horário comercial, com o acréscimo de 20 a 30 % se a consulta for fora deste horário.

    É muito caro contratar um advogado?

    A ideia de ter que contratar um advogado pode ser assustadora se você não sabe quanto custa um advogado, pois é de crença geral que os honorários são sempre exorbitantes e impossíveis de pagar, apesar de isso não corresponder a realidade.

    No entanto, pensar que “advogado custa caro” e deixar para lá ou tentar resolver sozinho um problema jurídico pode sair ainda mais caro.

    Por isso, consulte sempre um profissional. Os custos são compatíveis com o serviço prestado e ele será capaz de gerar a tranquilidade que você necessita para resolver questões de ordem jurídica.

    Nesse artigo vamos entender mais sobre como funcionam os honorários advocatícios, o que está incluso no valor dos honorários e as opções de pagamento que podem se encaixar no seu bolso.

    Honorários advocatícios são a remuneração a ser paga pelo contratante (cliente) ao contratado (advogado) para a prestação dos serviços. Os honorários são acordados por meio de contrato assinado pelas partes envolvidas, estabelecendo não só quanto custam os serviços do advogado, mas também quais são os serviços prestados, obrigações de cada parte etc.

    A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) é o órgão responsável pela definição dos parâmetros para o valor dos honorários advocatícios. Dessa forma, o advogado sempre deve verificar se o valor cobrado está dentro dos padrões definidos pela Ordem.

    O profissional não pode cobrar honorários abaixo do valor definido pela OAB Seccional do seu Estado sob o risco de incorrer em uma prática antiética. Qualquer advogado que cobre valores abaixo do estipulado pela Ordem está concorrendo de forma desleal com os colegas e infringindo o Código de Ética da profissão.

    Sim. A tabela da OAB estipula os honorários mínimos, sendo possível cobrar a mais e o valor final.

    Estipular o valor do contrato com o cliente pode ser uma tarefa árdua, pois o advogado deve levar em consideração uma vasta gama de fatores.

    No valor estipulado deve-se levar em conta critérios como:

    • Complexidade da causa
    • Tempo previsto para resolução
    • Experiência do advogado

    Dessa forma, ao analisar quanto custa contratar um advogado, é importante manter a visão ampla sobre todos os gastos e trabalho que a sua demanda exige.

    As formas de contratação de um advogado geralmente resumem-se a três, são elas:

    1. Contratação por valor fixo: Nessa modalidade, o advogado especifica o valor dos honorários. É comum em causas que não envolvem pecúnia, como muitas causas do Direito de Família.
    2. Contratação por êxito: Essa espécie de pagamento é muito utilizada quando é possível auferir ao cliente um ganho pecuniário ao final do processo, como em ações de indenização ou cobrança. Assim, o advogado pode estabelecer em contrato que ao final do processo receberá uma porcentagem dos ganhos do cliente.
    3. Contratação mensal: Nesse tipo de contratação define-se um valor mensal que será pago ao advogado, em retorno, o profissional deve cuidar dos processos e demais demandas que o cliente necessitar. É muito comum que empresas contratem advogados dessa forma.

    Como uma modalidade “bônus”, é possível misturar dois tipos de contratação, por exemplo, ao fixar-se um determinado valor de honorários, mas também…

    O que faz um advogado especialista?

    Primeiramente é essencial entender o que é de fato um advogado especializado. De modo geral, o profissional é aquele que atua diretamente no campo jurídico. Ou seja, se especializa através de estudos em um dos ramos da profissão, bem como passa a oferecer seus serviços de forma específica.

    Por que contratar um advogado especialista?

    O advogado especialista tem conhecimento específico das dores que seus clientes passam e pode trazer soluções mais eficientes para cada uma delas, erradicando ou reduzindo-as, a depender do caso. Um exemplo de atuação específica para pessoas jurídicas é a gestão de risco na área da saúde.

    Quanto um advogado cobra pela consulta?

    A OAB/SP estabelece o valor de R$ 245,85 para uma consulta em horário comercial, com o acréscimo de 20 a 30 % se a consulta for fora deste horário.

    Quanto custa um atendimento com um advogado?

    Consulta online com advogado: qual o valor? Essa é uma pergunta que muitas pessoas fazem quando precisam de assistência jurídica. Com o avanço da tecnologia, a consulta online com advogado se tornou uma opção prática e conveniente para quem precisa de ajuda jurídica. No entanto, muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre quanto custa uma consulta online com advogado e o que pode influenciar o preço.

    Se você está pensando em contratar um advogado para uma consulta online, continue lendo este artigo para descobrir tudo o que precisa saber sobre o valor desse serviço.

    O valor de uma consulta com advogado online pode variar bastante, dependendo de diversos fatores. Em média, o preço pode variar entre R$ 150,00 a R$ 500,00. No entanto, esse valor pode ser maior ou menor, dependendo da complexidade do caso e da experiência do advogado.

    Sim, em alguns casos é possível negociar o valor da consulta online com advogado. No entanto, é importante lembrar que o preço não deve ser o único critério de escolha de um advogado. É preciso levar em conta também a experiência e a especialização do profissional, além da confiança e da empatia.

    Em geral, o valor da consulta online com advogado é mais barato do que a consulta presencial. Isso porque o advogado não precisa arcar com os custos de aluguel de sala e deslocamento até o local da consulta. Além disso, a consulta online oferece mais flexibilidade de horários e não há necessidade de deslocamento por parte do cliente, o que pode reduzir os custos também para o cliente. No entanto, é importante lembrar que o valor pode variar de acordo com os fatores mencionados anteriormente, como a experiência e a especialização do advogado, a complexidade do caso, entre outros.

    Em alguns casos, é possível parcelar o valor da consulta online com advogado. No entanto, isso varia de acordo com o escritório de advocacia ou com o próprio advogado. Antes de contratar o serviço, é importante verificar as opções de pagamento e negociar as condições que melhor se adequam às suas necessidades.

    A consulta online com advogado pode ser uma alternativa prática e conveniente para quem precisa de assistência jurídica. No entanto, é importante lembrar que o valor desse serviço pode variar bastante, dependendo de diversos fatores, como a experiência e a especialização do advogado, a complexidade do caso, entre outros. Antes de contratar um advogado para uma consulta online, é importante fazer uma pesquisa detalhada, comparar os preços e as condições de pagamento, além de verificar a reputação do profissional no mercado. Dessa forma, você poderá encontrar um advogado competente e confiável, que possa ajudá-lo a resolver o seu problema jurídico da melhor forma possível.

    Quais são os advogados mais procurados?

    PARA SE INSPIRAR: CONHEÇA O PERFIL DOS 10 ADVOGADOS MAIS PODEROSOS DO BRASIL
    Jairo Saddi (Contratos comerciais) …
    Édis Milaré (Direito Ambiental) …
    Marcelo Ferro (Direito Cível) …
    Antonio Carlos de Almeida Castro (Direito Penal) …
    Sérgio Bermudes (Direito Cível) …
    José Roberto Opice (Direito Financeiro)

    Qual o advogado mais caro?

    Tornou-se advogado por vontade do pai e investidor pelo contato, na condição de advogado, com o mercado financeiro tailandês. Wichai Thongtang é atualmente, segundo os rankings especializados, o advogado mais rico do mundo, com uma fortuna avaliada em cerca de 1,54 bilhões de dólares.

    De 70 anos de idade, Wichai aponta 1978 como sendo o ano de viragem na sua vida. No começo da sua da carreira profissional, depois da formação em Direito na Universidade de Thammasat, arranjou emprego como estagiário de Thawee Charoenpitak, um dos advogados mais conhecidos da década de 60 e especialista em parcerias e empresas. Nessa altura teve contato com inúmeros casos financeiros e, segundo afirma, aprendeu muito com todos eles. “O meu ponto de viragem foi quando fui contratado para ajudar num caso que resultou do colapso do mercado de ações, em 1978”, explicou numa entrevista que concedeu, em 2012, ao Bangkok Post.

    Estava então com 31 anos e sentia-se preparado para começar a enveredar por uma carreira fora do escritório onde estagiava. “Foi um grande desafio para mim. Aprendi a ser um investidor, para além de advogado, e isso seduziu-me imenso. Depois comecei a investir no mercado de ações”, recorda.

    E não mais parou. “O encanto do investimento em ações é quando se consegue lucrar, e isso não é apenas ganhar dinheiro, é sentir que estavas certo quando pensavas sob determinado ângulo e os teus cálculos estavam também corretos.”

    Também investiu na compra e venda de propriedades, algumas das quais obteve como pagamento dos seus serviços jurídicos. Estima-se que terá tido lucros consideráveis durante o boom imobiliário registado na Tailândia entre 1988 e 1990. Em 2001 tornou-se um advogado muito conhecido em virtude da defesa com sucesso do então primeiro-ministro Thaksin Shinawatra no caso de dissimulação de ativos.

    Nas diversas ocasiões que falou sobre o assunto, garantiu que não aceitou o caso por motivações políticas e muito menos por lhe serem dadas vantagens especiais, embora haja quem afirme ter sido na sequência deste processo que conseguiu adquirir um hospital… e consolidar os negócios no setor da saúde, que é onde tem maiores investimentos. Os argumentos que apontam para uma suposta prerrogativa especial alicerçam-se no fato de Wichai ter comprado o referido hospital no mesmo ano em que defendeu o ex-primeiro-ministro. Mas ele nega estas acusações e garante ser apenas uma coincidência, pois a intenção de comprar o referido hospital vinha de há muitos anos.

    Sustenta este argumento com o fato de ter adquirido participações em três hospitais em 1994 (Muangrak), 1999 (Sikarin) e 2000 (Paolo).

    “O meu pai e um dos meus irmãos mais velhos são médicos, por isso estou familiarizado com este negócio. Está no meu sangue também. O negócio da saúde tem sido parte das nossas vidas desde que nascemos. Então, naquela época pensei que deveria ser um bom negócio”, referiu na entrevista ao Bangkok Post.

    Mas também tem investimentos noutros setores. Está e.

    Veja mais
    Aposentadoria especial 2019

    Como fica aposentadoria especial após reforma 2019? O Senado aprovou nesta quarta-feira (10) um projeto de lei complementar que regulamenta a aposentadoria especial por periculosidade.

    Leia mais >
    Abrir bate-papo
    Fale com um especialista!
    Olá 👋 , tudo bem ?
    Parece que você está precisando de ajuda! Estamos aqui para ajudá-lo a resolver qualquer dúvida ou problema que esteja enfrentando. Clique aqui para falar com um dos nossos especialistas e encontrar a solução que você precisa. Não hesite, estamos prontos para ajudar!